domingo, 20 de fevereiro de 2011

Encontros e Desencontros

São Paulo, 20 de Fevereiro de 2011.

12h00

Ontem fui ao cinema sozinho, amigos ocupados com suas vidas, eu sem um travesseiro de orelha, só me restou isso...

Estava tudo planejado, ir mais cedo no shopping comprar a entrada e depois ir na minha livraria preferida comprar um filme e voltar a tempo de pegar um bom lugar...

Estava tudo planejado, só não o fato de ver meu ex esperando alguém pra ter um encontro, num dos lugares gays mais óbvios de São Paulo...

Fingi que não vi e atravessei a avenida rapidamente e fui procurar meu filme, mas a neura já tinha tinha chegado e se arranjado confortavelmente dentro da minha cabeça...

"Será que ele me viu? Quem será que ele espera? É bonito?, Espero não encontrá-lo lá dentro..." e muitas outras...

Enfim, o dvd que eu queria comprar não tinha e deixei encomendado e mesmo tentando estender o máximo possível minha permanencia na livraria, deu o horário limite para eu voltar ao cinema e não pegar um lugar ruim...

Fui desconfiado, olhando pra todos os lados, não querendo ser visto e nem ver...

Entrei na sala do cinema, sentei confortavelmente onde prefiro e fiquei esperando as luzes baixarem e começarem logo os traillers e finalmente o filme...

Entretanto a neura lá dentro ficava "impossível ele vir pro mesmo filme (querendo ser possível, a desgraçada), "deve ter ido comer algo", etc...

De repente o inevitável aconteceu, lá vem ele...corrigindo eles...na minha direção, tanto lugar na sala e vem justo pro meu lado!!

Cumprimentei meu ex, educadamente como tem que ser, poderia ter fingido deixar cair algo no chão ou simplesmente virar o rosto, mas resolvi enfrentar aquilo...

Finalmente pude ver meu "rival", na verdade nem é e nunca foi, estou solteiro desde novembro...

Para minha surpresa e satisfação ele nunca será meu rival em nada, digamos que temos perfis muito, muito diferentes...

Sei que sou mesquinho ao dizer isso e com certeza vai parecer (pode até ser) despeito, mas eu pensei sim "Isso??? Hahahahahah".

Minha neura bem que tentou me confrontar "é mas ele que está com seu ex" e "está contente porque ele não está no SEU padrão de beleza" e mais "quem está sozinho no cinema?"

Falei "Xô neura!!", se eles estão juntos é porque se merecem nesse momento e não farei pilhérrias sobre a felicidade alheia...

Depois disso, as luzes se apagaram e começaram o traillers e logo depois o filme, que por sinal é maravilhoso, "O Discurso do Rei"...

Com um sorriso de alivio e de satisfação por finalmente me ver livre de mais um fantasma, pensei comigo "É verdade, antes só do que mal acompanhado!"

Greco.

5 comentários:

Não é maldade... disse...

Gostei do toque de educação e civilidade ;)
Abraço

M. disse...

Coisas que acontecem pra nos mostrar coisas que já sabiam na teoria né.

Geraldo Brito (Dado) disse...

Saudações e parabéns pelo blog!

Edivaldo Rossetto disse...

legal ler seu blog, precisa atualiza-lo..

Rafael disse...

Oi.
Reabri meu blog.
Deixe seu comentário!"

Abraços
Rafa Calvin